Doses de solução nutritiva para fertirrigação de pimentas ornamentais cultivadas em vasos

José Geraldo Barbosa, Moises Alves Muniz, Daniel Zimmermann Mesquita, Filipe de Oliveira Cota, Janaina Miranda Barbosa, Ana Maria Mapeli, Cleide Maria Ferreira Pinto, Fernando Luiz Finger

Abstract


As pimentas, além da diversidade de folhagem, forma e porte, produzem frutos de cores exuberantes com diferentes tamanhos e grau de maturação, conferindo beleza e extensa vida de uso tanto ornamental quanto alimentício, uma vez que o efeito dos frutos persiste por vários meses, mostrando grande potencial de seu cultivo como planta de vaso. Embora tenha ocorrido evolução na comercialização de pimentas ornamentais, há inúmeros fatores que interferem na produção, destacando-se a qualidade da planta, tamanho do recipiente, controle sobre o crescimento, bem como necessidades hídricas e nutricionais, exigindo mais estudos sobre adubação, irrigação e fertirrigação. Este trabalho teve o objetivo de avaliar o crescimento e desenvolvimento de genótipos de pimentas ornamentais (Capsicum annuum) cultivadas em vaso, sob diferentes concentrações de solução nutritiva. Para isso, foi conduzido experimento em casa de vegetação, utilizando 7 genótipos (Bico, Olho de peixe, MG 302, Fafá, Roxa, Nande e Dinha), cultivados em vasos fertirrigados com solução
nutritiva (14,4 mmol/L de N; 1,95 mmol/L de P; 12,92 mmol/L de K; 2,5 mmol/L de Ca; 1,0 de Mg e 2,44 mmol/L de S além de 30 mmol/L de B; 5 mmol/L de Cu; 50 mmol/L de Fe; 40 mmol/L de Mn; 2 mmol/L de Zn e 0,1 mmol/L de Mo) nas concentrações de 50, 100 e 150%. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados, com parcelas subdivididas, sendo os genótipos de pimenta dispostos nas parcelas e as soluções nutritivas (50%, 100% e 150%) nas subparcelas, com 4 repetições. A produção de frutos foi mais elevada nos genótipos MG 302 e Dinha, quando submetidos à concentração de 150%, enquanto maior altura das plantas ocorreu em MG 302, Bico e Malagueta. A solução nutritiva mais concentrada proporcionou melhor performance das plantas e produção de matéria fresca dos frutos, podendo ser indicada para o cultivo dos genótipos de pimentas ornamentais avaliados.


Keywords


Capsicum annuum, produção, nutrição mineral.



DOI: https://doi.org/10.14295/rbho.v17i1.714

ISSN: 2447-536X

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SBFPO - Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais | Cadastre-se na revista | Página Oficial SEER | Ajuda do sistema