Panorama Socioeconômico da Floricultura no Brasil

Antonio Helio Junqueira, Marcia da Silva Peetz

Abstract


O mercado brasileiro de flores e plantas ornamentais, em 2010, movimentou R$ 3,8 bilhões e, em 2011, deverá atingir R$ 4,2 bilhões. A atividade é essencialmente focada no consumo interno, para o qual dirige 97,5% dos valores anuais de comercialização. Tal fato reduz os impactos negativos da crise econômica e financeira mundial sobre o desempenho da atividade no Brasil. Observou-se que, nos últimos dois anos (2009 e 2010), as exportações da floricultura brasileira apresentaram quedas nos valores comercializados internacionalmente, após um período de nove anos de recordes sucessivos. Este trabalho apresenta os principais resultados de levantamentos de informações socioeconômicas sobre o desempenho recente da floricultura brasileira, tanto no mercado interno, quanto no comércio internacional.

Keywords


comercialização, mercado, importações, exportações, consumo.



DOI: https://doi.org/10.14295/rbho.v17i2.704

ISSN: 2447-536X

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SBFPO - Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais | Cadastre-se na revista | Página Oficial SEER | Ajuda do sistema