Avaliação de parâmetros de crescimento na cultura do Tagetes patula em ambiente protegido e a campo

MILLENA ARIANA BOUERI, RAÚL ANDRES MARTINEZ RAÚL ANDRES MARTINEZ, DALVA MARTINELLI CURY LUNARDI

Abstract


A análise quantitativa de crescimento tem sido usada por pesquisadores de plantas na tentativa de explicar diferenças no crescimento de ordem genética ou resultantes de modificações no ambiente. O objetivo deste trabalho foi avaliar parâmetros de crescimento da cultura do Tagetes patula (cravo-de-defunto), em todos os seus estádios fenológicos, em ambiente protegido e a campo. O experimento foi conduzido na área experimental do Departamento de Recursos Naturais, Setor Ciências Ambientais da Faculdade de Ciências Agronômicas da Universidade Estadual Paulista, Campus de Botucatu, no período de 21/05 a 09/08/02. O experimento foi constituído de duas áreas de 280m2, sendo uma na condição de campo e outra em ambiente protegido tipo arco, com cobertura de polietileno de baixa densidade (PEBD), difusor de luz, com 150um de espessura, tendo nas laterais “sombrite” com 50% de redução da radiação solar. Os resultados mostraram que, dentro do ambiente protegido, os valores da altura média das plantas, número médio de folhas por planta, área foliar e índice de área foliar médio foram maiores que na condição de campo. O comprimento das raízes e o número de botões florais não apresentaram diferenças significativas entre as duas condições de cultivo. As plantas do ambiente protegido apresentaram flores de melhor qualidade, evidenciado a influência positiva do ambiente protegido neste parâmetro.



DOI: https://doi.org/10.14295/rbho.v16i2.556

ISSN: 2447-536X

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SBFPO - Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais | Cadastre-se na revista | Página Oficial SEER | Ajuda do sistema