Efeito do armazenamento a frio e desidratação sobre o enraizamento de estacas herbáceas de Dendranthema grandiflora

Natalia Teixeira Schwab, Mauricio Neuhaus, Rogerio Antonio Bellé, Fernanda Alice Antonello Londer Backes, Marcia Xavier Peiter

Abstract


O experimento foi desenvolvido no setor de floricultura do Departamento de Fitotecnia da Universidade Federal de Santa Maria – Santa Maria, RS, no período de novembro a dezembro de 2007 e teve como objetivo avaliar o efeito do armazenamento a frio e da desidratação sobre o enraizamento de estacas herbáceas de Dendranthema grandiflora, cultivares ‘Satllion’ e ‘Toon Hermans’, tratadas com Ácido Indol Butírico (AIB) 0,1%. As estacas herbáceas foram coletadas no matrizeiro localizado no Setor de Floricultura, apresentando 6 cm de comprimento final, e foram então armazenadas a frio por diferentes períodos de tempo (0; 7; 14 e 21 dias), sendo que cada tratamento constou de 20 repetições. As estacas depois de tratadas com AIB 0,1% foram pesadas antes e após o armazenamento para obter o percentual de perda de umidade e, logo após, foram plantadas em bandejas de enraizamento contendo casca de arroz carbonizada e colocadas em estufa onde permaneceram 15 dias até sua avaliação. Para a avaliação do efeito da estocagem a frio e desidratação, foram realizadas as seguintes medições: comprimento total das raízes nas estacas e número de raízes por estaca. Os resultados obtidos neste trabalho mostraram que certo nível de frio é favorável ao enraizamento, porém este efeito deve ser observado quanto a cultivar e ao tempo de exposição das estacas às baixas temperaturas. Além disso, foi possível observar que a capacidade de formação e crescimento das raízes pelas estacas é um caráter varietal, o que determina um melhor desempenho das plantas.




DOI: https://doi.org/10.14295/rbho.v19i2.390

ISSN: 2447-536X

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SBFPO - Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais | Cadastre-se na revista | Página Oficial SEER | Ajuda do sistema