Efeitos do substrato no enraizamento de estacas caulinares de Bougainvillea.

Kathia Maria Barbosa e Silva, Paulo Sérgio Lima e Silva, Edineu Alves Bezerra de Almeida Sillva, Paulo Igor Barbosa e Silva

Abstract


A Bougainvillea spectabilis Willd. é interessante, nas arborizações residencial e urbana, porque floresce durante todo o ano e apresenta variação de cores de brácteas e tolerância a estresses hídricos. A percentagem de pegamento das estacas da buganvília é, em geral, pequena e pode estar associada ao substrato usado. Oobjetivo do trabalho foi avaliar os efeitos do substrato sobre a percentagem de enraizamento de estacas de buganvília. Dois experimentos foram realizados, num delineamento inteiramente casualizado, com dez repetições. No primeiro, os tratamentos foram: ‘areia vermelha’ (AV), ‘areia grossa’ (AG), AV + AG, AV + palha de carnaubeira Copernicia cerifera Mart.) curtida (PC), AG + PC e AV + AG + PC. A análise de uma amostra de AG indicou densidade aparente de 1,21 mg m-3, retenção de umidade de 8,00 (0,01 Mpa), 10,2 mm e 51,03 mm m-1 de água disponível e, em g kg-1: 904 de areia grossa, 85 de areia fina, 4 de silte e 7 de argila. Os valores respectivos para AV foram de 1,20 mg m-3, 10,96 (0,01 Mpa), 13,1 mm, 65,28 mm m-1 e 405, 556, 5 e 34 nas frações granulométricas. Maiores percentagens de estacas enraizadas foram obtidas com o uso de AG (24%) ou AG + AV (28%). No segundo experimento, PC foi substituída por húmus de minhoca (HM). Maior percentagem de estacas enraizadas foi obtida com AG + HM (73%).



DOI: https://doi.org/10.14295/rbho.v11i1.33

ISSN: 2447-536X

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SBFPO - Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais | Cadastre-se na revista | Página Oficial SEER | Ajuda do sistema