Germinação de sementes de sempre-vivas (Syngonanthus elegans e S. venustus).

Fernanda Cristiane Simões, Patrícia Duarte de Oliveira Paiva, Thaísa Silva Tavares, Maria Laene Moreira de carvalho, Renato Paiva

Abstract


A sempre-viva é uma espécie ornamental nativa, com ocorrência endêmica em algumas regiões brasileiras. Atualmente, encontra-se entre as principais espécies exportadas e seu consumo interno também é expressivo. Mas, apesar da sua importância comercial, poucas são as informações agronômicas sobre seu cultivo. Sabe-se que são propagadas por meio de sementes, preparadas pelos próprios produtores de flores. Assim, visando avaliar características das sementes, coletaram-se capítulos florais de Syngonanthus elegans e S. venustus ? cultivados na região de Diamantina (MG) ? dos quais se retiraram as sementes, que foram submetidas a testes de germinação, avaliando-se efeitos das temperaturas de 20, 25, 30 e 35 °C. Utilizaram-se quatro repetições com 50 sementes em cada caixa plástica tipo gerbox. As sementes das duas espécies tiveram maior percentagem e velocidade de germinação a 25 °C, mas não germinaram quando submetidas à temperatura de 35 °C. As sementes de Syngonanthus venustus também tiveram primeira contagem e IVG (Índice de velocidade de germinação) superiores às de Syngonanthus elegans.



DOI: https://doi.org/10.14295/rbho.v13i1.207

ISSN: 2447-536X

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SBFPO - Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais | Cadastre-se na revista | Página Oficial SEER | Ajuda do sistema