Efeito de soluções nutritivas sobre o crescimento e desenvolvimento do crisântemo cultivado em vaso

Márkilla Zunete Beckmann-Cavalcante, Juliana Garcia dos Santos, Ítalo Herbert Lucena Cavalcante, Kathia Fernandes Lopes Pivetta

Abstract


O crisântemo (Dendranthema grandiflora Tzvelev.), é uma das plantas mais cultivadas em todo o mundo e uma das flores mais populares, juntamente com as rosas, cravos e gérberas, fazendo parte do elenco básico das floriculturas.  O sucesso como flor de corte e em vaso deve-se à precisão com que responde ao comprimento do dia (fotoperíodo) para a indução floral, à diversidade de cores e formas, resistência ao transporte e excelente durabilidade e, adaptabilidade a diferentes regiões (Petry, 1999).
Para o adequado desenvolvimento da planta e para obtenção de produtividade satisfatória é essencial a reposição de água e nutrientes, em quantidade e momento oportunos. Neste sentido, diversas pesquisas têm sido conduzidas no que se refere à nutrição de crisântemo no Brasil, como Lima (1987), Barbosa et al. (1996) e Mota (2004), pois as recomendações encontradas são provenientes, em sua maior parte, dos Estados Unidos, da Holanda e do Japão e são adaptadas pelos produtores às nossas condições de cultivo, ficando, contudo, incerta a sua eficiência e resultando na maioria das vezes em aplicação de quantidade insuficiente ou excessiva de nutrientes, ocasionando uma nutrição desbalanceada.
Adicionalmente, apesar das pesquisas já realizadas até o momento, ainda não se determinou uma solução nutritiva padrão para o crisântemo, como há para o tomateiro (Castellane & Araújo, 1995). Observou-se que a grande maioria dos produtores possui suas próprias soluções nutritivas, ocasionando muitas vezes manejo inadequado e resultando em prejuízos no crescimento vegetal e conseqüentes decréscimos na produtividade e na qualidade do produto final, principalmente produtores em fase inicial de estabelecimento.
Diante do exposto, realizou-se o presente trabalho com a finalidade de avaliar o efeito de soluções nutritivas elaboradas para o crisântemo cv. “Miramar” cultivado em vaso, no município de Jaboticabal.

Keywords


Chrysanthemum x grandiflorum; análise de crescimento; nutrição mineral.



DOI: https://doi.org/10.14295/oh.v13i0.1843

ISSN: 2447-536X

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SBFPO - Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais | Cadastre-se na revista | Página Oficial SEER | Ajuda do sistema