Efeito da temperatura e da escarificação mecânica na germinação de sementes de Copernicia prunifera (Arecaceae).

Kathia Fernandes Lopes Pivetta, Fernanda D’Andrea, Petterson Baptista da Luz, Ana Paula Penariol, Amanda de Castro, Manuela Gonzalez

Abstract


Conhecida como carnaúba, a palmeira Copernicia prunifera (Mill) H. E. Moore, é originária do nordeste brasileiro, sendo mais comumente encontrada no Estado do Ceará, onde é conhecida como “árvore da vida”, pela grande quantidade de produtos de subsistência que fornecem. Embora apresente grande importância, ainda há poucas informações na literatura sobre produção de mudas dessa espécie, que é feita por meio da germinação de sementes. 
De modo geral, a germinação das sementes de palmeiras é considerada lenta e desuniforme (Meerow, 1991) sendo influenciada por fatores como temperatura e dormência física, que dificulta a embebição, afetando negativamente o processo. Generalizando, para várias espécies de palmeiras, os melhores resultados podem ser obtidos entre temperaturas que variam desde 24 ate 35°C (Meerow, 1991; Broschat, 1994; Lorenzi et al.; 2004).
Segundo Odetola (1987), várias espécies de palmeira apresentam dormência física em graus variados, demandando tratamentos de quebra de dormência, entre os quais, a escarificação mecânica, que foi testada com sucesso para algumas espécies como Livistona rotundifolia (Viana, 2003) e Syagrus schizophylla (Pivetta et al., 2005b)         
Desta forma, devido à grande importância e à falta de informações científicas sobre a produção de mudas da espécie, esse trabalho teve como objetivo estudar o efeito da temperatura e da escarificação mecânica na germinação de sementes de Copernicia prunifera .

Keywords


Copernicia prunifera, palmeira, germinação de sementes



DOI: https://doi.org/10.14295/oh.v13i0.1754

ISSN: 2447-536X

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SBFPO - Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais | Cadastre-se na revista | Página Oficial SEER | Ajuda do sistema