Enraizamento in vitro de brotações adventícias de variedade botânica de mangabeira do Nordeste

Karla Cristina Santos Freire, Caroline Araújo Machado, Ana da Silva Lédo, Sarah Brandão Santa Cruz Barboza, Josué Francisco da Silva Júnior

Abstract


O cultivo comercial da mangabeira no Nordeste depende, entre outras, da determinação de técnicas adequadas de propagação, principalmente assexuada. O cultivo in vitro é um procedimento significante na propagação de diferentes espécies. Alguns problemas têm sido identificados na micropropagação de variedades botânicas de mangabeira da região Nordeste, dentre eles, destaca-se a dificuldade de enraizamento in vitro. Com o objetivo de avaliar o efeito de reguladores de crescimento na rizogênese, brotações adventícias de mangabeira oriundas do segundo subcultivo in vitro foram transferidas para meio de cultura
½ MS com 15 g L-1 de sacarose, gelificado com 0,3% de phytagel®. Foram avaliadas duas concentrações de AIB (1,0 e 1,5 mg L-1) combinadas com 0,01 mg L-1 de BAP na ausência e presença de carvão ativado (1%). O delineamento foi inteiramente casualizado em esquema fatorial 2 x 2 com cinco repetições. Cada parcela foi constituída de cinco tubos de ensaio contendo uma brotação/tubo. Foram avaliadas, aos 30 dias, as percentagens de brotações
com calo, com raiz e número de raízes/brotação. Houve efeito significativo da interação entre os fatores. A concentração de 1,5 mg L-1 de AIB combinada com 0,01 mg L-1 de BAP, na ausência de carvão ativado, promoveu a formação de calo em 80% das brotações e a emissão de raízes em 30% das brotações (1,07 raízes/brotação). Entretanto, as mesmas destacaram-se com facilidade da base do calo e não apresentaram ramificações e pêlos absorventes. Nos demais tratamentos não foi observada a indução de raízes. Estudos adicionais com a avaliação do efeito de outros reguladores de crescimento, préacondicionamento
das brotações e alongamento deverão ser conduzidos para indução in vitro de um sistema radicular eficiente.


Keywords


Hancornia speciosa Gomes; Apocynaceae; rizôgenese; cultivo in vitro



DOI: https://doi.org/10.14295/oh.v13i0.1515

ISSN: 2447-536X

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SBFPO - Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais | Cadastre-se na revista | Página Oficial SEER | Ajuda do sistema